Sessão Premium ADN do Jurista: O papel do jornalismo e das redes sociais no panorama eleitoral atual

Terça-feira, November 24, 2020 - 11:48

No dia 18 de outubro, dezenas de pessoas – entre elas alunos que integram o programa ADN do Jurista – assistiram à sessão premium “Da América a Portugal, eleições Presidenciais” onde o jornalista Filipe Santos Costa e a jornalista Liliana Valente partilharam as suas visões sobre o poder do jornalismo no processo eleitoral e a sua relação com as redes sociais.

Ainda que as eleições dos EUA e de Portugal possuam particularidades que as distinguem, existem certas ameaças em comum. Nomeadamente, a polarização da opinião: “Cada vez é mais difícil haver abertura para ouvir os dois lados”, atenta o jornalista Filipe Santos Costa.

Ciente do papel das redes sociais na ampliação dessa realidade, o autor explica que há vários assuntos que, mesmo não fazendo parte da agenda mediática, acabam por ser noticiados pelos media dada a sua dimensão nas redes sociais.

Assim, Filipe Santos Costa assume que o jornalista, “que sempre foi o gatekeeper do ecossistema mediático” pode acabar por perder esse papel para as redes sociais, onde os ciclos noticiosos de 24 horas transmitem para o público a ideia que existem factos noticiosos constantes e urgentes – uma ideia falaciosa que visa garantir clicks e engagement nas redes sociais.

Para Liliana Valente esta luta é “desigual” uma vez que as redes sociais têm um alcance maior com o qual não é possível competir.

Recordando que a democracia assenta em valores e princípios, a jornalista do Expresso teme que haja cada vez menos sentido crítico.

Com efeito, Filipe Santos Costa conclui que “a democracia dá imenso trabalho” pois exige cidadãos que queiram estar devidamente informados através de meios fidedignos.

Na próxima sessão, o jornalista Paulo Pena e a cientista política Marina Costa irão abordar diversos aspetos das presidenciais portuguesas: os media portugueses, a extrema-direita portuguesa e a sua alavancagem nas redes sociais.

Todas as sessões premium do programa ADN do Jurista são abertas ao público, sendo sempre abordados temas conexos ao Direito e à literacia política, mediática e europeia.